Untitled Document
Bom dia, 23 de nov
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   

Quarta-feira, 12 de Agosto de 2015

 
     

Marcha das Margaridas: Sem feminismo não há agroecologia

  

 Durante o evento, foram lembradas as grandes lutas diárias para que o feminismo, essa ideia radical de que as mulheres são gente, se torne concreto nas famílias, nas organizações e na sociedade em geral

  


Por Angélica Almeida, Assessoria de Comunicação Marcha das Margaridas – CTA

No espaço “Mulheres na Luta por Soberania Alimentar: Construindo a Agroecologia” foi visibilizado o importante papel que as mulheres desempenham na construção de um modelo que repense não só a produção agrícola, mas crie relações sustentáveis e igualitárias entre as pessoas. Foram lembradas as grandes lutas diárias para que o feminismo, essa ideia radical de que as mulheres são gente, se torne concreto nas famílias, nas organizações e na sociedade em geral.
 
A partir da exibição de três diferentes vídeos (Minha vida é no meio do mundo; A vida de Margarida; e Zefinha quer casar), agricultoras de todo o Brasil compartilharam experiências que protagonizam em seus territórios e enriqueceram o debate com depoimentos emocionantes sobre as formas de resistência à violência que enfrentam. A ofensiva dos venenos e transgênicos, a carência de políticas públicas específicas, a perda de conhecimentos tradicionais, a preocupação com as sementes e espécies crioulas foram alguns dos pontos destacados.
 
Maria do Céu, agricultora nordestina, relembra que muitas conquistas já aconteceram, mas “isso não significa dizer que nós não enfrentamos o machismo. Há muitas mulheres que ainda vivem no seu cantinho, porque não podem sair. E é por essas mulheres, que nós lutamos”. Com troca de sementes e ciranda, as participantes finalizaram o espaço de mãos dadas, dançando e cantando, reafirmando que seguirão juntas e em marcha até que todas sejam livres.

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008