Untitled Document
Boa tarde, 24 de nov
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Comunicação Ambiental

Segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

 
     

“História ambiental no Rio Grande do Sul” traz contribuições para o debate na sociedade

  

Coletânea reúne artigos de integrantes do Grupo de Trabalho em História Ambiental da Associação Nacional dos Professores Universitários de História, ANPUH-RS

  


Por Eliege Fante - EcoAgência

Aconteceu nesse domingo (16/11) o lançamento de “História ambiental no Rio Grande do Sul”, primeira coletânea sobre o tema, durante a sexagésima edição da Feira do Livro de Porto Alegre. Diversos autores e autoras compartilharam com o público informações desde o conceito desta área do conhecimento até as conclusões de alguns dos dez artigos que compõem a obra.

Um dos organizadores da publicação, Fabiano Rückert, explicou que a pesquisa em História Ambiental teve períodos abordando temas que tratavam da degradação do ambiente, e que na atualidade tem mostrado a coexistência de práticas de conservação e recuperação bem como a importância do movimento ambientalista. “A História Ambiental pode contribuir para a educação ambiental e através desta vir a qualificar as ações do poder público e da sociedade,” disse.

A pesquisa em História Ambiental utiliza várias fontes como relatos, entrevistas, diários, notícias e documentos de instituições. Todas essas fontes possibilitam a reconstrução de fatos que interferiram na vida das pessoas nas dimensões social, ambiental, cultural e econômica. Elenita Pereira, também organizadora da obra e autora do artigo que aborda “A guerra da laranja”, adiantou aspectos da luta de José Lutzenberger em favor da citricultura gaúcha e da agricultura ecológica. Ela explicou que nos anos 80, o ambientalista que também era agrônomo, defendeu o uso de técnicas que permitiram a manutenção da atividade em pequenas propriedades na região Vale do Caí, sem destruir conforme decreto federal, as plantações próximas de focos da doença chamada cancro cítrico.

Dentre os integrantes da Agapan presentes ao evento, Edi Fonseca parabenizou o trabalho de resgate da memória do movimento ecológico. “É grande a contribuição do grupo de trabalho em História Ambiental ao difundir histórias como esta do Vale do Caí, que possibilitaram a concretização da agricultura ecológica no Estado e a sua expansão no país,” afirmou. 

O próximo objetivo do grupo de trabalho é a organização de documentos e outras fontes de informação de entidades ambientalistas para a posterior divulgação ao público em geral. Mais informações sobre  as atividades deste GT estão disponíveis em http://gthistoriaambiental.blogspot.com.br/

  

História Ambiental no Rio Grande do Sul 

Elenita Pereira, Fabiano Rückert, Neli Machado (Orgs.) 

Editora Univates, 2014 

224 páginas 

EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008