Untitled Document
Bom dia, 24 de nov
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014

Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2014

 
     

Fifa fica em 3° lugar como pior empresa do mundo, mas ganha o troféu entre os brasileiros

  

Em primeiro lugar foi eleita a Gazprom, empresa de gás russa, seguida da Syngenta, Bayer e BASF, as três empresas de agrotóxicos europeias

  

Reprodução    


Por Brasil de Fato

No último dia 22 de janeiro, a eleição organizada pelo Public Eye Awards, a organização que apresenta o hall das piores empresas do mundo, foi encerrada. O público elegeu como pior empresa do mundo a Gazprom, empresa de gás russa. Em seguida aparecem as empresas Syngente, Bayer, BASF - empresas de agrotoxicos europeias. Já em terceira lugar, aparece a FIFA, com mais de 54 mil votos, dos quais cerca de 33 mil foram de brasileiros.

Ambas as empresas apresentam um histórico de irregularidades. A vencedora, por exemplo, é acusada de violar regulamentações federais de segurança e ambiental no Ártico. Sua principal atividade na região é perfurar o mar ártico para extração de petróleo. Já a FIFA, às vésperas da Copa do Mundo de 2014, tem sido acusada de irregularidades e de incentivar violações de direitos e mau uso de dinheiro público nos países que recebem o megaevento, em favorecimento de empresas parceiras e com anuência de governos locais.

A campanha no Brasil

A grande participação dos brasileiros na votação foi incentivada pela Articulação Nacional dos Comitês Populares da Copa (ANCOP), que reúne movimentos e organizações sociais em todas as cidade-sede da Copa de 2014, que promoveram uma campanha digital e denunciou características machistas, homofóbicas e as violações aos direitos da pessoa cometidas por esta instituição.

“Apesar de a Fifa não ter ganho em primeiro lugar, podemos considerar como muito importante o fato de ter sido eleita como a pior se considerarmos só o votos dos brasileiros. Demonstra-se que, como expresso nas manifestações de junho do ano passado e já em diversas manifestações ocorridas esse ano, essa “instituição” sofre repúdio em nosso país que carece de melhorias profundas nas áreas social, como transporte, saúde, educação e moradia”, afirma o membro da Secretaria Executiva da CSP-Conlutas, Atnágoras Lopes, responsável pela campanha na Central.

Public Eye Awards

 Criado em 2000, o Public Eye Awards é concedido anualmente no Fórum Econômico Mundial, na cidade suíça de Davos, sempre em janeiro. A corporação ‘vencedora’ é escolhida por voto popular em função de denúncias de problemas sociais, ambientais e trabalhistas. Em 2012, a mineradora brasileira Vale foi eleita pelo público por violações de direitos humanos e impactos ambientais causados por suas operações. Por razões similares, a Shell foi a eleita de 2013. Para o ano que vem, a FIFA concorre com empresas como o banco HSBC, a loja GAP, a petrolífera Gazprom e a produtora de sementes e agrotóxicos Syngenta.

Confira a colocação:

1° Gazprom 95279- empresa de gás Russa
2° Syngente, Bayer, BASF 59837-  as tres empresas de agrotoxicos europeias
3° Fifa 54333 ( desses 33642 são do Brasil)

*Con informações do portal CSP-Conlutas

Brasil de Fato - EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008